5 Métricas do Google Analytics para Ecommerce

5 Métricas do Google Analytics para Ecommerce

Compartilhar post:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Se você quer trabalhar com marketing digital ou já trabalha deve estar ciente da importância do Google Analytics para entender o comportamento do usuário no seu site. Pensando nisso, trouxemos neste artigo 5 métricas que devem ser monitoradas com frequência para ter sucesso como profissional de ecommerce. 

1- Taxa de conversão

É um cálculo que é feito pelo Google Analytics usando as seguintes métricas: sessões e transações. Para dar essa taxa, o GA pega o número de transações e divide pelo número de sessões (visitas ao site) e depois multiplica por 100, para virar uma porcentagem.

Ex. Quatro pessoas entraram no site e tivemos 2 transações. Pegamos o 2 e dividimos por 4 que dá 0,5. Depois disso, multiplicamos por 100, que vai dar 50. Ou seja, temos uma taxa de conversão de 50% no nosso site.

A média da taxa de conversão do mercado brasileiro é de 1,86%, se for levar isso em consideração você teria a ilusão de estar super bem na fita. Mas jamais faça isso, pois essa média leva em consideração ecommerce dos mais variados segmentos e dos mais diferentes estilos de gestão.

Quando for analisar a taxa de conversão, faça comparações com o seu próprio histórico de desempenho. Assim, você terá uma visão real da performance.

Além disso, você deve sempre olhar a taxa de conversão juntamente com sessões e transações, pois isso vai te ajudar a ter a leitura correta do que está acontecendo com o seu ecommerce.

2- Taxa de saída

Mostra qual página do site que as pessoas mais saíram, independente de ter convertido ou não. Por conta disso, ela deve ser analisada por página. Para qualificar essa métrica, você pode usar ferramentas como o Hotjar que gravam em vídeo o que os usuários estão fazendo no site.

Com esse dado conseguirá entender melhor o porquê as pessoas estão saindo na página x, y,z, e como poderá reverter isso. Portanto, a taxa de saída é uma métrica quantitativa que pode ser qualificada com ferramentas que mostram o que as pessoas estão fazendo no site.

Você também pode consumir esse conteúdo em formato de vídeo no nosso canal do Youtube, “5 Métricas do Google Analytics fundamentais para o ecommerce !”, para assistir é só apertar o play abaixo. 

3- Pesquisa interna

Para ter acesso a parte de pesquisa interna do GA, você vai precisar entrar no relatório de comportamento e lá terá uma divisão ( uso e termos de pesquisa). A parte do uso mostra quantos usuários de fato interagiram com o campo de pesquisa do site.

Já a parte do termo de pesquisa, mostra como as pessoas estão usando a sua busca, ou seja, mostra quais termos elas estão colocando para encontrar os produtos desejados. 

Após uma análise dos termos de pesquisa, você conseguirá formular um glossário para que a sua busca entregue o que o usuário está buscando mesmo se ele estiver escrevendo erradamente ou de forma diferente da que você pensou. Assim, o relatório de termos de pesquisa vai te ajudar a entregar o que o usuário deseja sem que ele precise colocar o que você pensou.

4- Conversão assistida

Mostra por quais canais o usuário passou e como eles ajudaram na conversão. Por exemplo, uma pessoa viu o anúncio do seu produto no Story do Instagram , ela arrastou para cima, viu as informações e depois saiu. Tempos depois, ela voltou a receber informações suas, por meio do remarketing do Facebook, entrou no seu site, mas saiu sem comprar. 

Aí, no terceiro dia, a pessoa resolve fazer uma pesquisa sobre o produto no Google, encontra o seu anúncio, entra no site, olha mais um pouco as informações e sai sem comprar. No quarto dia, ele faz novamente a busca, clica no resultado orgânico em que seu site aparece e finalmente compra o produto. Assim, a venda foi realizada via google orgânico, mas tivemos três outros canais fundamentais para a conversão ( Story Instagram, Remarketing Facebook e o Google Ads).

5- Tempo até a compra

Para ter acesso a esse dado, vai precisar no relatório conversão e depois ir para funil multicanal. Essa métrica te ajuda a entender quanto tempo o usuário interage com o seu produto/site até a decisão da compra.

Assim como as outras quatro métricas, o tempo até a compra te ajuda a entender o comportamento do usuário quando está interagindo com a sua marca. Ao analisar todos esses dados, você conseguirá proporcionar a melhor experiência possível para acelerar o processo de conversão.

Agora, que você conheceu as 5 métricas que todo o ecommerce deve analisar. Conta para gente!

O Google Analytics é algo que você domina? Coloca nos comentários!

Não se esqueça de se inscrever no nosso canal!

Inscreva-se na news e tenha acesso a pré venda de todos os nossos cursos.

A Pré venda é exclusiva para o grupo VIP e com preço especial.

Clique no botão para se cadastrar na nossa lista vip:

Nossos artigos mais recentes…

Aviso de Ganhos

Este produto não garante a obtenção de resultados. Qualquer referência ao desempenho de uma estratégia não deve ser interpretada como uma garantia de resultados. O Potencial de ganho é totalmente dependente da pessoa que usa nosso produto e do esforço apresentado. O seu nível de sucesso na obtenção dos resultados reivindicados em nossos materiais depende do tempo que você dedica ao programa e da aplicação correta das ideias e técnicas mencionadas. Como esses fatores diferem de acordo com os indivíduos, não podemos garantir seu nível de sucesso ou renda.

© Copyright 2021 | Viver de Ecommerce Negócios Digitais Ltda Todos os Direitos Reservados

Asset 6
FALTA 1 PASSO...

Cadastre-se abaixo: